Gaspar fará mobilização por segurança neste sábado

09/06/2011

O ponto alto da programação “Todos pela segurança de Gaspar” acontecerá neste sábado (11), na praça em frente a prefeitura, a partir das 9h. No local, todos os representantes de entidades envolvidos na campanha apresentarão a iniciativa e cobrarão das autoridades competentes aumento do efetivo, a contrução de uma nova delegacia, instalação de videomonitoramento e reaparelhamento das polícias civil, militar e bombeiro.

De acordo com o organizador, vereador Kleber Wan-Dall (PMDB), a expectativa é de que a comunidade compareça em grande número. “Vamos mostrar as autoridades competentes que estamos unidos e que a nossa necessidade é urgente. Não queremos mais desculpas. Queremos ações efetivas e rápidas, como uma gestão pública deve ser: eficiente”, ressaltou. Kleber lembra que, na oportunidade, o abaixo-assinado também estará disponível para mais moradores aderirem. “Também temos a expectativa da participação de deputados estaduais e federais da região”.

A campanha teve início há dois meses. Desde então o parlamentar buscou junto as entidades de segurança e representativas do município apoio e participação. Diversas reuniões ocorreram, definindo assim as ações da organização. Outdoors, cartazes, adesivos e flyers já foram distribuídos por toda a cidade.


Kleber Wan-Dall inicia Campanha de Segurança Pública de Gaspar

25/05/2011

O auditório da Câmara de Vereadores de Gaspar lotou. Cerca de 100 moradores, autoridades e lideranças participaram na noite desta terça-feira (24) do lançamento da campanha “Todos pela segurança”. A iniciativa partiu do vereador Kleber Wan-Dall (PMDB).

Durante o encontro, o publicitário Fernando Neves, proprietário da Gráfica Inove, explicou a logomarca, que é composta por um cadeado aberto. “Ou seja, o governo ainda pode fechá-lo e dar segurança a nossa cidade”, salientou. Na oportunidade foram distribuídos cartazes, folders e adesivos a comunidade presente.

O criador da campanha, vereador Kleber, deu a oportunidade de pronunciamento a todas as lideranças. O presidente da AMPE, Eduardo de Souza, ressaltou a necessidade de resultados. “O poder público deveria ser como uma empresa. Se você não dá retorno à instituição, você não faz mais parte dela. Precisamos de resultados sempre. A secretaria estadual tem que nos dar números: mais viaturas, mais policiais, mais equipamentos”.

A mesma opinião foi compartilhada pelo coordenador Kleber. “Esta união de entidades, com certeza, fará diferença para a secretaria estadual de segurança. Quero agradecer ao apoio de todas as lideranças nesta luta. Tenho certeza que juntos vamos conseguir nosso objetivo”, ressaltou.

O cronograma da campanha ainda contará com um ato público, na praça central, em frente à prefeitura, no dia 11 de junho, a partir das 9h. “Convidamos deputados estaduais e federais para participar desta mobilização. Queremos e exigimos mais segurança para a nossa cidade. Vamos envolver todas as organizações, associações, clubes, igrejas, enfim, a comunidade em geral para dizer as autoridades competentes que o desejo de mais segurança em Gaspar é de todos”, destacou o parlamentar.

A campanha tem como principal objetivo aumentar o efetivo de policiais militares e civis, bombeiros, construção de uma nova delegacia e instalação de vídeo-monitoramento no centro da cidade, além do reaparelhamento da Polícia Militar, Civil e Bombeiros.


Campanha de Segurança Pública em Gaspar inicia na próxima terça-feira

16/05/2011

A luta do vereador Kleber Wan-Dall (PMDB) tomará corpo na próxima semana. Na terça-feira (24) Gaspar dará início a uma Campanha de Segurança Pública. O lançamento ocorrerá no plenário do legislativo. Na oportunidade serão distribuídos cartazes, folders e adesivos para divulgação da iniciativa.

Segundo o parlamentar e organizador, o ponto alto acontecerá no dia 11 de junho, quando representantes de entidades, poder público e população se concentrarão, a partir das 9h, no centro da cidade. “Inclusive, estamos convidando deputados estaduais e federais para participar desta mobilização. Queremos e exigimos mais segurança para a nossa cidade. Vamos envolver todas as organizações, associações, clubes, igrejas, enfim, a comunidade em geral para dizer as autoridades competentes que o desejo de mais segurança em Gaspar é de todos”, afirma.

Kleber lembra que as estatísticas da Polícia Militar da cidade vêm crescendo a cada ano. E, infelizmente, não é na quantidade de policiais e viaturas. Os números de furtos, roubos e assaltos são os que aumentam assustadoramente. “Em 2009, a PM contabilizou 4.478 atendimentos. Em 2010 subiu para 5.200. Neste ano, somente até março, já somam-se 1.061 ocorrências”, explica.

Na Polícia Civil não é diferente. “O número de ocorrências só cresce e ainda tem o agravante da “desova” de cadáveres em Gaspar, ou seja, o crime (assassinato) acontece em outra cidade e o corpo é deixado no interior do município”. Na prática isso significa mais trabalho investigativo para Polícia Civil”.

O peemedebista acredita que o baixo efetivo de policiais, os equipamentos ultrapassados, o fácil acesso a cidade e o trânsito intenso são as principais causas da falta de segurança. “Estes fatores facilitam o trabalho dos bandidos. A população, desta forma, de praticamente 58 mil habitantes, fica a mercê da atuação dos ladrões. Esta situação não pode continuar”.

Gaspar faz divisa com sete municípios: Massaranduba, Luiz Alves, Ilhota, Blumenau, Guabiruba, Brusque e Itajaí. Somados, os acessos chegam a 18. “Se um ladrão quiser fugir da cidade, ele terá toda a facilidade. Não temos policiais suficientes para cuidar de todos estes limites geográficos e nem para atender a todas as ocorrências diárias”.

A campanha tem como principal objetivo aumentar o efetivo de policiais militares e civis, construção de uma nova delegacia e instalação de vídeo-monitoramento no centro da cidade.


Projeto de Olho na Rua

30/04/2011

Projeto de Olho na Rua

O projeto consiste em dar mais segurança aos condomínios residenciais. A idéia já é desenvolvida em grandes cidades, como Fortaleza, Recife e Salvador. Ela tem como foco interligar porteiros a uma grande rede telefônica via rádio, para que possam repassar a movimentação nos edifícios.

Assista ao vídeo:

Mais informações, acesse esse link.


Audiência Pública em Blumenau

25/04/2011

O presidente da Comissão de Segurança Pública da Alesc, deputado Marcos Vieira, por proposição do deputado Jean Kuhlmann, convida a participar da Audiência Pública com o tema “A Segurança Pública de Blumenau e Região” a realizar-se hoje (25) às 14h na Câmara de Vereadores de Blumenau.


Kleber realiza segunda reunião sobre segurança pública

06/04/2011

As estatísticas da Polícia Militar de Gaspar vêm crescendo a cada ano. E, infelizmente, não é na quantidade de policiais e viaturas. Os números de furtos, roubos e assaltos são os que aumentam assustadoramente. Em 2009, a instituição contabilizou 4.478 atendimentos. Em 2010 subiu para 5.200. Neste ano, somente até março, já somam-se 1.061 ocorrências.

Os dados alarmantes preocupam o vereador Kleber Wan-Dall (PMDB). Por este motivo, nesta terça-feira (05), o parlamentar se reuniu com representantes da sociedade organizada para encontrar uma solução para este problema. “Em 2011 já temos 91 presos, sendo 25 menores de idades. Foram apreendidas 422 pedras de crack, 83 papelotes de cocaína e 22 torrões de maconha. E, mesmo, assim, a insegurança ainda é latente. Está visível e escancarada a toda a população”.

O peemedebista acredita que o baixo efetivo de policiais, os equipamentos ultrapassados, o fácil acesso a cidade e o trânsito intenso são as principais causas da falta de segurança na cidade. “Estes fatores facilitam o trabalho dos bandidos. A população, desta forma, de praticamente 58 mil habitantes, fica a mercê da atuação dos ladrões. Esta situação não pode continuar”.

Gaspar faz divisa com sete municípios: Massaranduba, Luiz Alves, Ilhota, Blumenau, Guabiruba, Brusque e Itajaí. Somados, os acessos chegam a 18. “Se um ladrão quiser fugir da cidade, ele terá toda a facilidade. Não temos policiais suficientes para cuidar de todos estes limites geográficos e nem para atender a todas as ocorrências diárias”.

Ao final, os presentes na reunião decidiram marcar um novo encontro para o dia 18, às 19h30. Na oportunidade será apresentado um relatório completo do atual estágio da segurança pública no município. Posteriormente, o grupo iniciará uma campanha tendo como principal objetivo aumentar o efetivo de policiais militares e civis, construção de uma nova delegacia, instalação de vídeo-monitoramento no centro da cidade, entre outros.


Segurança Pública faz parceria contra tráfico de drogas

22/03/2011

A Força Nacional de Segurança Pública vai atuar em parceria com a Polícia Federal nas fronteiras de 10 estados brasileiros, conforme determina a portaria nº 258, publicada nesta quarta-feira (16), no Diário Oficial da União. Segundo a medida, autorizada pelo Ministério da Justiça, a tropa vai ajudar na execução do Plano Nacional de Atuação em Áreas de Fronteiras no combate ao tráfico de drogas, de armas, entradas de produtos ilícitos, saída irregular de riquezas e crimes conexos.

De acordo com a portaria, a Força Nacional vai atuar nas regiões de fronteiras do Amapá, Pará, Roraima, Amazonas, Acre, Rondônia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Paraná e Santa Catarina. As atividades da Força Nacional serão realizadas durante 90 dias, prazo que, segundo a portaria, pode ser prorrogado, se necessário.

O número de policiais que será disponibilizado pelo Ministério da Justiça obedecerá ao planejamento definido pelos órgãos envolvidos na operação.

Fonte: Secom.